“Cozinha é lugar de sobriedade e cores neutras”, “cozinha branca dá um aspecto de limpeza”, “cor na cozinha cansa rápido”: Essas e outras afirmativas são coisas do passado, e quem fica no passado perde o bom de seguir a evolução da decoração e do bem-estar em casa.
Viver de acordo com o nosso ritmo, e dar ritmo e personalidade aos ambientes que vivemos, é seguir o fluxo dessa evolução.
A moda é passageira; permanente é a nossa essência e é essa que dita as regras da decoração do nosso canto de morar.

Vamos a um projeto com personalidade, com cor e com história para contar?

 Essa cozinha tem tudo isso. Pensada para um jovem casal que não tem medo de ousar, que gosta de cor e de imprimir sua personalidade no lugar que escolheram para viver, ela é alegre sem deixar de ser funcional, sem agredir visualmente e leve apesar da miscelânea de cores que compõem o mosaico de azulejos, seu ponto focal.

 Apesar de ser uma cozinha pequena, comprida porém estreita, não ficou comprometida no seu espaço visual com a presença dos azulejos coloridos. Ao contrário, eles trouxeram vida e uma sensação de amplitude que poucos imaginariam possível.
 As linhas retas, contemporâneas, e o vidro sempre marcam presença nos nossos projetos e aqui o preto foi o eleito para contrabalancear as cores e emoldurá-las favorecendo o seu destaque no conjunto.

Cantinhos decorativos também tem seu lugar reservado na cozinha. Por que não? 
Aqui os nichos desempenharam bem essa função, dando espaço para os objetos de estima dos moradores.
Gostoso de fazer. Gostoso de viver!
Até breve!

2 Comentários para “Mais cor, por favor!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *